quarta-feira, 5 de agosto de 2009

RESSUCITANDO A GRIPE H1N1

Cientistas recriam vírus da gripe espanhola
NOTÍCIA DE 05 de outubro de 2005 • 15h33 • atualizado às 15h33
Notícias
Os cientistas que ressuscitaram o vírus da gripe espanhola disseram que estão começando a entender por que ele causou uma epidemia tão mortal, com cerca de 50 milhões de vítimas fatais, e advertiram que a pandemia pode se repetir.

Eles começaram a comparar as mutações genéticas da gripe de 1918 com as que estão sendo observadas no vírus H5N1, da gripe aviária — que já matou milhões de aves, além de alguns seres humanos, na Ásia —, na esperança de conseguir prever e talvez prevenir uma pandemia semelhante.

"Achamos que tínhamos de recriar o vírus e realizar essas experiências para compreender as propriedades biológicas que tornaram a variante de 1918 tão mortal," disse Terrence Tumpey, dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC) em Atlanta, que ajudou a escrever as reportagens publicadas em conjunto esta semana pelas revistas Nature e Science.
O experimento, no qual o vírus foi recriado através de um processo chamado genética reversa, com amostras do vírus de 1918, permitiu aos pesquisadores testá-lo em laboratório e em vários animais.
O estudo vai ajudar a responder dúvidas importantes, disse Jeffery Taubenberger, do Instituto de Patologia das Forças Armadas em Rockville, Maryland.

"Como o vírus passou para os seres humanos e como a pandemia começou? A segunda questão é compreender por que esse vírus em particular foi tão virulento", disse Taubenberger a repórteres numa entrevista por telefone.
"O que podemos aprender em cima do que ocorreu em 1918 para nos prepararmos para uma futura pandemia de influenza?," perguntou ele.
Taubenberger afirmou que é possível criar vacinas que tenham como alvo as mutações observadas na pesquisa.
A equipe utilizou fragmentos do vírus retirados de amostras preservadas das vítimas da epidemia, e também do cadáver de uma vítima retirado de um túmulo congelado no Alasca em 1998.
Com esses fragmentos, fizeram uma réplica do vírus de 1918 e trouxeram-no de volta à "vida" — os vírus não estão exatamente vivos, como os outros micróbios — combinando-o com frangmentos de vírus modernos da gripe e cultivando-o em bactérias.

"Acreditamos hoje, com a melhor interpretação dos dados disponíveis, que o vírus de 1918 era um vírus semelhante ao aviário que se adaptou nos seres humanos," disse Taubenberger.
Isso o torna diferente dos vírus que provocaram as outras duas pandemias de gripe do século 20, em 1958 e em 1967.
Naqueles casos, vários vírus de gripe trocaram genes entre si e se tornaram especialmente virulentos.
"Os dados indicam que as pandemias podem se formar de mais de uma maneira," afirmou ele.
Houve várias alterações em cada gene do vírus de 1918, disse Taubenberger, e o vírus da gripe aviária está começando a apresentar algumas dessas alterações, mas o processo parece estar no princípio, afirmou.
As conclusões reforçam a preocupação das autoridades de saúde com o vírus H5N1, que ainda não infecta os seres humanos com facilidade, mas que já matou mais de 60 pessoas em quatro países da Ásia.
São necessárias apenas algumas mutações para que o vírus que matou milhões de pássaros se torne tão infeccioso e mortal quanto entre os seres humanos.

Mas agora os cientistas estão começando a entender quais são essas mutações, e podem começar a tentar produzir drogas e vacinas para combatê-las.

"Identificamos várias proteínas do vírus que foram essenciais para o desenvolvimento da doença pulmonar grave," disse Tumpey.

A principal, afirmou, foi uma proteína chamada hemaglutinina — o "H" dos nomes dos vírus da gripe.
Quando a hemaglutinina do vírus de 1918 foi substituída pela hemaglutinina da gripe moderna, o vírus resultante não foi mortal.
Uma outra proteína, a neuraminidase, sofreu mutação no vírus da gripe espanhola de modo a conseguir se replicar sob condições incomuns, talvez numa área mais profunda do pulmão que outros vírus da gripe.
A neuraminidase responde pelo "N" dos nomes das gripes.
A gripe espanhola foi uma H1N1
, bem diferente da H5N1, ressaltaram os pesquisadores.
Eles também afirmaram que suas experiências não trazem nenhum perigo, pois estão sendo realizadas em laboratórios especiais.
Todos os vírus humanos da gripe descendem do da gripe espanhola, o que significa que as pessoas têm alguma imunidade a eles, disse Julie Gerberding, diretora do CDC. O que é perigoso em relação à H5N1, a gripe aviária, é que as pessoas não têm imunidade a ela.

Se não for o H5N1, algum outro vírus influenza com certeza causará uma pandemia, que será muito pior que a da gripe espanhola, disse Gerbeding.
"A maioria dos especialistas concorda que não se trata de uma questão de ''se'' — e sim de ''quando,"'' disse ela.

"Essas importantes pesquisas criam novas informações e novas pistas que nos ajudam a nos preparar para a pandemia."
Vírus criado em laboratório, pandemia h1n1, gripe suina, gripe A.
www.pandemia-h1n1.com


A Verdadeira Face do Vírus H1N1 (Gripe Suína) – Parte I

ARTIGO número # Whataheal University
Quinta-feira, 30 de julho de 2009.

A VERDADEIRA FACE DO VÍRUS H1N1 (GRIPE SUÍNA) - PARTE I
O M I T O S O B R E A O R I G E M D O V Í R U S

A pandemia global da gripe suína foi criada em laboratório para a redução populacional gradativa

A VERDADEIRA FACE DO VÍRUS INFLUENZA A (H1N1) – A PANDEMIA GLOBAL DA GRIPE SUÍNA

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o vírus teve origem através da transmissão da gripe de porcos para humanos.
Isto ocorreu no México, porém a composição do vírus Influenza A (H1N1) foi publicada como desconhecida pela Comunidade Internacional.
Mas por mera coincidência ao H5N1” (vírus das aves – gripe aviária) e este vírus dos porcos é H1N1.
Pela internet, a drª Wilma Wooten, médica pública em San Diego ,disse que não é claro como é que as pessoas contrairam o vírus ,nenhum dos pacientes que viu tinham tido contato com porcos.
MÉXICO,
um país extremamente visitado, em essência é um país turístico e que possui a 11ª maior população do planeta (108.700.891 hab*). É mais do o lugar perfeito para iniciar o processo de contaminação (atualmente no nível 5 da OMS, para pandemia global) entre humanos.
Uma vez que cada turista volta para seu país de origem com a gripe suína, fazendo com que a contaminação interna nacional ocorra em todas as nações em que houve turistas infectados.
.
=====> C O M E N T Á R I O S interessantes achados na internet.
Mr Frederico Mustard disse…
E por coincidencia dizem que o Tamiflu, anteriormente receitado para o H5N1, poderá combater o H1N1… é um escandalo da industria farmaceutica. Tentaram vender milhoes com a gripe das aves mas foi coisa pouca, agora arquitectaram isto para ja haver humanos em zonas nobres(USA) infectados para começarem a vender mt mais!
27 de Abril de 2009 21:45
Anônimo disse…
Mr Eistein
Repararam que essa pandemia coincide com a crise mundial, com a falta de empregos, com a fome que pode vir a assolar o planeta, neste caso matem os pobres, e assim que eles(governo) pensam. Reparem que os mortos em sua grande maioria sao de classe media abaixo.
28 de Abril de 2009 14:47

=====> ‘ C R O N O L O G I A
Nova Gripe _ Vírus “Influenza A” denominado “H1N1″, conhecido por “Gripe Suína”.
Cronologia da epidemia pelo vírus influenza A.

24 de abril de 2009

A Organização Mundial da Saúde (OMS) demonstra preocupação com a confirmação de casos de uma nova gripe nos Estados Unidos e no México.
Cinco casos são confirmados na Califórnia, e 2 no Texas.
Há evidências de que mais de 60 mortes estariam relacionadas com a nova doença no México.
====> EVIDÊNCIAS
Catálogo de Provas e Evidências do Vírus ter Sido Produzido em Laboratório:
O vírus H1N1 contém uma mistura de ADN de gripe aviária, gripe suína asiática e européia e gripe Humana.
TRATA-SE DE UMA MISTURA NUNCA VISTA ANTES E O MAIS INCRÍVEL DE TUDO…TEM MENOS DE 1% DE CHANCES DE OCORRER NATURALMENTE!
Fonte: Agência Reuters
Link: http://www.alertnet.org/thenews/newsdesk/N24524032.htm

“The virus is an influenza A virus, carrying the designation H1N1.It contains DNA from avian, swine and human viruses, including elements from European and Asian swine viruses, the CDC has said. [nN23355101] ( Center for Disease Control : Centro de Controle de Doenças)”
Os cientistas haviam recriado o vírus H1N1 para “estuda-lo”.
Cada vez se torna mais evidente que esta gripe suína foi arquitectada.
O Reuters menciona ESTE ARTIGO POSSUI MAIS 8 PARTES..
Ler a segunda parte.

INFORMAÇÃO ASSOCIADA
- A gripe suína foi criada em laboratório para a redução populacional e te obrigará a ser vacinado pela OMS.
- Há indícios de que as vacinas serviram como propósito de matar, e consequentemente gerar lucros ás grandes corporações.
- O vírus foi disseminado propositalmente no México, país turístico para se ter eficiência na propagação mundial do vírus.
- Um denúncia de uma americana, leva a busca do caminhão que transportava de bases militares a gripe suína para o México.
- Os EUA construíram 700 prisões FEMA e o CDC juntamente com a OMS irá lotar essas prisões de quarentena através de Lei Marcial.
EUA já tem mais de 700 prisões FEMA (campos de concentração) construídos e vazios
Para que os EUA teria construído 700 prisões FEMA? Em época de crise, quase sem dinheiro, mas sempre há dinheiro!?? Leia a notícia
OMS pode obrigar a vacinação massiva de 194 nações, através do acordo das farmacêuticas
http://whatafolha.wordpress.com/2009/08/04/oms-pode-obrigar-a-vacinacao-massiva-de-194-nacoes-atraves-do-acordo-das-farmaceuticas/

DIVULGUE ESTE ARTIGO!!!

Todas as informações presentes neste artigo são factuais.
“Estou pedindo ajuda numa tremenda tarefa de informar e alertar o povo Americano.Crente que com a sua ajuda as pessoas serão aquilo que nasceram para ser:
livres e independentes!”
- JOHN KENNEDY
Neste caso tentamos alertar a todos os povos.Whataheal University
About this entry
You’re currently reading “A Verdadeira Face do Vírus H1N1 (Gripe Suína) – Parte I,” an entry on Whataheal University
Published:
Julho 31, 2009 / 12:48 am
Category:
Pandemia Global, Redução Populacional
Tags:
, , , , , , , , , , , , , ,
A livre expressão do pensamento é um direito inalienável e garantido pela Magna Carta, em seu art. 5°, que rege o nosso Ordenamento Jurídico Pátrio, que consolida o pensamento liberal expresso nas Constituições atuais. E mais, o artigo 13, item 1 do Pacto de São José de 1969, advindo da Convenção Americana de Direitos Humanos a qual o Brasil aderiu e recepcionou no plano interno em 1992, afirma: " Toda pessoa tem direito à liberdade de pensamento e expressão." Esse direito inclui a liberdade de procurar, receber e difundir informações e idéias de qualquer natureza, sem considerações de fronteiras, verbalmente ou por escrito, ou em forma impressa ou artística, ou por qualquer meio de sua escolha.
A Verdadeira Face do Vírus H1N1 (Gripe Suína) – Parte II

ARTIGO número # Whataheal University
Quinta-feira, 30 de julho de 2009.

A VERDADEIRA FACE DO VÍRUS H1N1 (GRIPE SUÍNA) - PARTE II
E S T A D O D E A L E R T A
Como isso será usado contra você!
====> EVIDÊNCIAS

Catálogo de Provas e Evidências do Vírus ter Sido Produzido em Laboratório:
O vírus H1N1 contém uma mistura de ADN de gripe aviária, gripe suína asiática e européia e gripe Humana.
TRATA-SE DE UMA MISTURA NUNCA VISTA ANTES E O MAIS INCRÍVEL DE TUDO…TEM MENOS DE 1% DE CHANCES DE OCORRER NATURALMENTE!
Fonte: Agência Reuters
Link: http://www.alertnet.org/thenews/newsdesk/N24524032.htm

“The virus is an influenza A virus, carrying the designation H1N1.It contains DNA from avian, swine and human viruses, including elements from European and Asian swine viruses, the CDC has said. [nN23355101] ( Center for Disease Control : Centro de Controle de Doenças)”

Os cientistas haviam recriado o vírus H1N1 para “estuda-lo”. Cada vez se torna mais evidente que esta gripe suína foi arquitectada.
O Reuters menciona

=====> GUIA DE PERGUNTAS NO YAHOO RESPOSTAS

//#01 – Será que a gripe suína e aviária não foram criadas pelo mesmo laboratório que vende o Tamiflu?
Link da pergunta, aqui.

PERGUNTA DE: Icaro
Eu sei que pode parecer teoria de conspiração, mas eu fico pensando cá com os meus botões se isso não está estranho pq normalmente as doenças aparecem primeiro que os remédios.E dessa vez a coisa está ao contrário.Pensem só gripe existe desde que o homem colocou os pés na terra e porco apareceu bem antes que o homem de forma que se essa mutação desse vírus fosse mesmo uma coisa espontânea pq não ocorreu antes?E me parece meio estranho que a medicação seja nova pois ainda não houve quebra de patente e seja a única a conseguir a cura .E tem mais ela custa caro e se hoje vc procurar na farmácia não encontra pois os governos foram obrigados a comprar todo o estoque para controlar uma possível epidemia.Será que tudo isso é uma simples coincidência ou o próprio laboratório “Roche” se eu não me engano que é o fabricante do Tamiflu criou isso para poder vender uma medicação.Eu desconfio que somos reféns dessas empresas faz tempo.Uma vez eu lí uma estória de um profeta que previu uma série de coisas e foi super cultuado até o dia que o pegaram colocando fogo em um teatro que ele anteriormente dito que previa um grande incêndio.Isso pode ser aplicado nessa situação pois uma vez que eles possuem e digo somente eles a cura disseminam a doença e nos torna reféns.Vcs não acham que isso mereceria uma investigação mais profunda?
MELHOR RESPOSTA: Cruella
Eu particularmente já desconfio disso tem um bom tempo, e devemos fazer um boicote a tal laboratório e ainda deveríamos nos unir e cobrar investigações mais sérias em relação a isso. Que bom que existem pessoas como vc que pensam, isso é importante.Eu mesma já me questionei sobre alguns procedimentos na área da medicina veterinária que é onde eu atuo, o que ocorre é que hoje somos reféns das indústrias farmacêuticas que se transformou numa enorme máquina de fazer dinheiro e na verdade e o mercado da doença e não da saúde pq eles precisam da nossa doença para eles encherem os bolsos de dinheiro em cima da desgraça alheia. Eu ha vinte anos , mudei minha alimentação e a de meus animais e graças a isso eu não tenho uma doença sequer, nem gripe. Meu organismo está forte e combativo, pois eu tive uma visão das coisas além do que as pessoas comuns podem observar, questionei e mudei. As pessoas em geral deveriam fazer isso, mas a massa é burra.
***** Terceira parte em produção…

About this entry
You’re currently reading “A Verdadeira Face do Vírus H1N1 (Gripe Suína) – Parte II,” an entry on Whataheal University
Published:
Julho 31, 2009 / 1:09 am
Category:
Pandemia Global, Redução Populacional, terrorismo
Tags:
, , , , , , , , , , , , , , , ,
[...] ARTIGO POSSUI MAIS 8 PARTES..
Ler a segunda parte. DIVULGUE ESTE ARTIGO!!!
Todas as informações presentes neste artigo são [...]

3 comentários:

O Árabe disse...

Bom artigo! Continuamos à mercê de gripes e experiências nem sempre benéficas. :( Bom resto de semana!

Dawre disse...

O problema é que estamos tão acostumados com filmes de terror
que agimos exatamente igual aos personagens.
Pois sabemos que existe um mal terrível "La fora"
mais não acreditamos que possa acontecer conosco, e quando vemos já é tarde.
Todos já sabíamos que a manipulação genética poderia trazer esse conseqüências,
mais devido a ganância existente no ser humano, fizemos de conta que daria certo.
Foi injetado veneno na genética da soja, no milho, na cana, etc.
Animais como o Gado, o Porco e o Frango por exemplo recebem doses cavalares de antibiótico e são alimentado com rações transgênicas.
Diariamente nós comemos vários produtos Transgênicos e nem nos damos conta disso.

Alguém sabe responder por que?
Eu direi....
É porque somos “inteligentes” demais para que
Para crer que todo esse mal exista.

Nós merecemos os parabéns,
Pois ao contrario do que dizem os cientistas
O dinossauros foram devido a queda de um “cometa”
Mais nós com toda nossa inteligência
DESTRUIEREMOS A NOS MESMOS

Bernardete disse...

Concordo com vocês, caros amigos.
Precisamos estar em ALERTA o tempo todo.
Nos querem como cobaias, além de escravos, lacaios e fantoches.
Saudações.